Tens boa imagem, és perfeito para a nossa corporação.

Boa tarde, Hortinha :)

Hoje trago-vos uma história bonita, no verdadeiro sentido da palavra. 
O que se passa é que eu moro numa linda terra há quase vinte anos (choro) e sempre me habituei à sua pouca segurança e à convivência com o perigo.
Eis senão que uma certa personagem decide alterar este esquema e, por causa da sua recente importância nacional, esta bela localidade vê-se frequentada por senhores agentes da autoridade. Melhor para nós, Batatoenses, que nos sentimos mais seguros ao sairmos da estação, ao passearmo-nos pelas ruas... Mas é ainda melhor para nós, BatatAs, que podemos lavar os nossos olhinhos e afastar a terra que decide torná-los baços. É que estes senhores agentes andam por aí fardados a rigor, claro está, e a emanar aquilo a que se pode chamar "um charme valente!". Alguns até nem têm penugem na cara, de tão novinhos - e aposto que a voz grossa ainda está para vir - mas a carinha parece vinda da agência de modelos (para não falar no corpinho - Santo Grelo, mil benzeduras, mas tenho olhos na cara). Vai na volta, e é critério de escolha para se passearem de algemas no bolso e cacetete aqui pelas ruas.
Qualquer dia, isto é alguma terra idílica, onde as cirurgias plásticas se fazem como quem faz um bolo - as obras na estação, a personagem importante e os polícias jeitosos vindos da creche são um bom indicador! Qualquer dia fazem obras para demolir (ou melhorar!) ali o bairro social - há que uniformizar - e tornar a zona comercial mais segura.
Até ter poder de compra para sair daqui, quero ver no que se transforma. Se forem capazes de me trazer a praia até aqui ao pé, sou bem capaz de não me mudar quando tiver casa própria. 

Bom, o rio já se vê - bem no alto das escadas do Centro Comercial, agora é esperar...

Batatinhas*

P.S: Afilhadinho fofinho, foste um querido em chamares a tua madrinha para ir comprar contigo o traje :) Gostei muito! Vai ser um orgulho traçar-te a capa.

P.P.S: Porque é que tenho amigas fixes que me mostram coisas muuuuito fixes? Tenho que estudar :(

Comentários

  1. A sua referência no final do texto ao seu afilhado emocionou-me! É de pessoas como você que o nosso mundo precisa. Continue assim ;)
    Ass: Anónimuh

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Words don’t come easily

A minha pachacha caiu dentro da sanita. E não o fez com glamour.

(Tentando) Crescer e aprender.