Mensagens

A mostrar mensagens de Junho, 2010

EWWWWWIUUUUUUUAAAAAAAAABADABADUUUUUU

Imagem
Estou toda maluca. Porque sim. Apenas porque sim. É que ainda nem acabei os exames, mas estou toda maluca. Em breve, vou ser uma college girl, tenho que me tornar mais normal, por isso vou aproveitar.
Ah, e estou apaixonada. Acho que devia referir. O meu namorado chama-se Stereomood e nunca, mas nunca, há discussões. É uma relação perfeita. Ide: www.stereomood.com O problema é que eu acho que ele me trai... É fácil as miúdas apaixonarem-se por ele v.v
Well, vou enjoyar. (e aproveitar a maluquice. Porque eu hoje estou toda maluca.)
Batatinhaaaaas :D (e vamos lá ver se não saímos do jogo a falar com sotaque)

Memorial de Saramago

- Foi um prazer. -disse, lisonjeada, a Cultura portuguesa. - Fostes hereje, mas a Igreja tudo perdoa. - o sorriso cínico do pedestal de ouro proferiu, estendendo a sua mão coberta de rubis. - Não compreendo, nunca compreendi a tua escrita. - o povo clama.
Saramago ergue a cabeça, o semblante sereno, enfrentando os olhares que o fitam:
- Antes eu dizia: 'Escrevo porque não quero morrer' Mas agora mudei. Escrevo para compreender o que é um ser humano."
-----//-----
Boa tarde, Horta (: Aquilo? Achei por bem fazer referência a José Saramago antes de começar o post propriamente dito. Às vezes, dá-me destas coisas.
Na verdade, e fugindo um pouco à hipocrisia, decidi escrever por causa de um vídeo que acabei de encontrar. Se não forem apreciadores da genialidade, nem vale a pena verem. Ai, fui pretensiosa e arrogante, eu sei. Ultimamente dá-me para isto, mas fiquei tão "WOW" que não resisti.
Amo voceis.

Batatinhas*

One down, three to go!

Olá, olá!
Saudades minhas? Aposto que sim! É verdade, a Batata anda com o nariz enfiado no interior dos manuais escolares, procurando avidamente compreender os conceitos que poderão, eventualmente, sair nos exames nacionais.
PROBLEMA: O facto de andar a estudar que nem uma louca para o exame de Físico-Química provavelmente não vai resolver nada. Eu até percebo a matéria, visto que, contrariamente ao que possa parecer, não sou nenhuma burra! O problema vem é quando me põem exercícios de Física, mais propriamente movimentos. É daqueles "wtf" que não consigo explicar :| Verdades. Muitos momentos "Quéstamerda, pa" que me desmotivaram.
Maaaas, o exame de português correu bem e isso é factor de motivação. Batata, Batatinha, estudai e fazei muitos exercícios. Não há-de ser assim tão difícil tirar mais de 16 quando estás a fazer o exame pela segunda vez... cof, cof.
Estudante sofre. True story. Entretanto, vão deixar de ouvir falar de mim por uns tempos, outra vez. Achei por bem …

E no rescaldo do Bailinho

Imagem
Estes eram, de facto, os meus sapatos. Parece que a brincadeira acabou e a Cíntia soltou um suspiro de alívio por não ser verdade. (Na verdade, ela ficou feliz porque afinal eu não tinha aqueles sapatos de stripper que ela tanto queria. Cíntia, fofa, podes ir comprar!)
A noite foi toda fofuxa, menos o fim abrupto, mas StressFree! Eu gostei das coisas bonitas e das pessoas bonitas que brilhavam por toda a parte. Foi lindão. E a comida era boa v.v (e a bebida era boa)
E assim aceitei o facto de que estou a ficar crescida e a entrar no mundo das pessoas grandes. Maria Batata, levanta o queixinho e enxuga as lágrimas de crocodilo que o Grande Mundo ( e não falo da loja do chinês, mas sim do mundo dos adultos) ainda está para vir. O que quer dizer que os teus pequenos dramas que se arrastam são apenas um picopicopicozinho do monte de poia que vai ser quando saires do casulo. Se bem que as batatas não têm casulo... mas vendo bem também não têm pés e, no entanto, aqui estão eles!
OS SAPATOS











e aque…

Baila comigo, amor! [sotaque espanhol]

Sabem para o que é que me devia estar a preparar? Para o Baile de Finalistas!
Maaaas, em vez de me render aos poderes da maquilhagem e das plumas (plumas? lol), estou aqui a escrever no blog *.*
A verdade, confessem lá, é que estava tudo a morrer de saudades aqui da Batata. Naõ vos podia deixar assim! Ainda para mais precisava de levantar o ego... Acabei de vir do cabeleireiro. Sabem, tinha imaginado um penteado -> "*.*", mas fizeram-me um penteado "Questamerda, pa?". Sério. Pareço um espanador. Pelo que, melhor forma de levantar o ego não existe que escrever aqui as minhas mágoas e fazer delas um bocadinho de humor. Até já disse à progenitora. Pode ser que lá na Quinta se enganem e peguem em mim para limpar o pó! Na volta ainda arranjo emprego! v.v
Ai, vou só chorar um bocadinho e partir os espelhos todos antes de me ir maquilhar.
Batatinhaaaaaaaaaaaas!
(e lá vai o "prom" para o galheiro. Ah! Acabei de me lembrar que posso ser recrutada para a nova edição …